5 dicas para inovar sua aula de Treinamento Funcional

O Treinamento Funcional visa melhorar a capacidade funcional com eficiência, autonomia e independência. Os treinos envolvem diversos exercícios e rotinas, sendo uma das principais características a dinamicidade — o que faz a inovação também ser um fator relevante para essas aulas e determinante na escolha do preparador adequado. 

Dessa forma, para ser um bom preparador físico e oferecer as melhores aulas de Treinamento Funcional é preciso ser criativo. Por isso, selecionamos 5 dicas para você inovar nas suas aulas. Conheça cada uma delas a seguir e garanta aos seus alunos treinos incríveis!

1. Crie variações de exercícios combinando-os

A primeira forma de inovar a sua aula é oferecendo variações dos movimentos tradicionais. Um método prático é combinar exercícios para criar circuitos e rotinas. Essas variações são muito úteis, pois podem viabilizar novas combinações de movimentos, deixando o treino ainda mais dinâmico.

Algumas opções podem, até mesmo, elevar o nível de dificuldade. Contudo, atente-se para prescrever somente exercícios que os seus alunos tenham plena capacidade para executar. Até porque, sem essa preocupação, é possível surgir lesões ou outras complicações indesejadas.

Além disso, é preciso entender se a variação criada auxiliará no objetivo final do aluno, pois os exercícios que estimulam a resistência aeróbica ou anaeróbica láctica têm funções distintas, mas podem ser complementares, dependendo da frequência. 

2. Use acessórios para criar variações

Vários exercícios de Treinamento Funcional surgem com o uso de algum tipo de acessório. Os que oferecem resistência, por exemplo, podem dificultar ou mesmo simplificar movimentos. Entre esses acessórios, podemos citar:

  • Faixa elástica;
  • Reformer;
  • Cadillac;
  • Kettlebell;
  • Fita de suspensão.

Inclusive, eles podem ser úteis para trabalhar grupos musculares específicos. O que leva, até mesmo, a corrigir assimetrias musculares e ajudar na recuperação ou fortalecimento de uma área determinada. 

Isso sem falar na inovação gerada à experiência de executar um movimento novo ou diferente. Já que, só com a adição de um acessório tudo fica mais divertido e desafiador.

3. Faça dinâmicas de duplas

Uma ótima forma de aumentar a motivação no treino é utilizar exercícios formando duplas. Assim, os alunos são estimulados a interagir, mesmo que sejam desconhecidos. Nessas horas, por mais simples e curta que seja a execução, passa a existir uma colaboração mútua. Consequentemente, surge a necessidade de cada indivíduo dar o seu melhor para favorecer o objetivo do grupo. 

Ainda, exercícios em dupla podem ser executados de diferentes formas, seja envolvendo ambos os praticantes ou criando uma alternação. A dica é ir aos poucos sugerindo duplas para que, enquanto uma pessoa executa o exercício, a outra auxilia e descansa. Essa técnica é utilizada para estimular e preparar os praticantes para que esses momentos se tornem mais naturais. 

4. Experimente associar exercícios e técnicas de outros métodos

Os exercícios funcionais são bastante adaptáveis aos objetivos de cada aluno. Nesse sentido, muitas vezes, outros movimentos e técnicas podem amplificar as possibilidades do treino. 

Com a musculação, por exemplo, é possível criar uma resistência a mais em determinados músculos durante um circuito do funcional ou, ainda, adicionar um pouco das técnicas de intervalos do HIIT para otimizar os treinos de explosão e velocidade. 

Desde que faça sentido aos objetivos da aula e auxilie o aluno, essas associações são sempre bem-vindas. 

Conheça também: os principais benefícios da fisiologia do exercício na Educação Física.

5. Analise as suas possibilidades

Por fim, uma das melhores dicas para inovar a sua aula de Treinamento Funcional é estudar todas as possibilidades. Afinal, você já pode ter alguns acessórios, além de um espaço que viabiliza novas variações de exercícios.

De repente, é possível até desenvolver variações de treinamento dependendo da sua região. A exemplo disso, caso na sua localidade haja praias, marcar um dia de funcional na caixa de areia se torna muito fácil. Além do fato de mudar o ambiente, trazendo um novo ar, interessante para dar uma variação ao convencional. 

Nessas situações, a sua criatividade poderá ser uma poderosa aliada na inovação das suas aulas de Treinamento Funcional. Lembre-se também de variar as trilhas sonoras, com músicas novas e nos estilos musicais que mais motivam os seus alunos.

Esperamos ter ajudado você a melhorar ainda mais o seu trabalho. Não tenha receio de aprender cada vez mais, afinal, os resultados são sempre recompensadores. O Instituto Valorize tem ótimos cursos para a sua área de atuação.

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.